OS DESAFIOS DA IMPLANTAÇÃO DA MODALIDADE EAD EM CURSOS DE GRADUAÇÃO PRESENCIAIS

Marcelo Almeida de Sousa, Taciana Antunes Sarmento, Franciellen Morais-Costa

Resumo


O presente trabalho visa abordar os desafios encontrados durante a implantação da modalidade EAD, no formato de utilização de 20% da carga horária total do curso, regulamentada através da portaria 4.059/2004 de 10 de dezembro de 2004, do MEC, em graduações presenciais. Tal disposto possibilitou incrementar a oferta dos cursos de graduação através do uso das tecnologias da informação e comunicação (TIC’s), a capacidade de interatividade por ela trazida, além da formação de modelos híbridos de ensino, conciliando a educação presencial com a educação à distância. Conclui-se que, há um grande avanço na modalidade no presencial, com possibilidades ao ensino superior de incrementar suas ofertas e utilizarem as tecnologias da informação e comunicação como suporte educacional.

 


Texto completo:

PDF

Referências


BELLONI, Maria Luiza. Educação a distância. Campinas, SP: Autores Associados, 2009.

BEZERRA, M.A. Docência em Educação a Distância: Tecendo uma rede de interações. Recife: Universidade Federal Ed Pernambuco, 2010.

BORGES, Martha Kaschny. Educação Semipresencial: desmistificando a Educação a Distância. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2017.

BORGES, M. K. e FONTANA, K. B. (2003). Interatividade na prática: a construção de um texto colaborativo por alunos da educação a distância. In X Congresso Internacional da Associação Brasileira de Educação a Distância – ABED. Porto Alegre: ABED.

BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria n.º 4.059/2004, de 10 de dezembro de 2004. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2017.

DE PAULA, Alessandra; HAIDUKE, Ivonete Ferreira; SELEME, Robson. A implementação da portaria n.º 4059 e a visão dos acadêmicos. Disponível em . Acesso em: 10 de jun. de 2017.

LEMGRUBER, Márcio Silveira. Educação a Distância: para além dos caixas eletrônicos. Disponível em:< http://portal.mec.gov.br/arquivos/conferencia/documentos/marcio_lemgruber.pdf>. Acesso em: 10 jun. 2017.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 1999.

LITWIN, Edith (org.). Educação a distância. Temas para o debate de uma nova agenda educativa. Porto Alegre: Artmed, 2001.

MOORE, Michael G.; KEARSLEY, Greg. Educação a distância: uma visão integrada. São Paulo: Thomson Learning, 2007.

MORAN, José Manuel; ARAÚJO FILHO, Manoel; SIDERICOUDES, Odete. A ampliação dos vinte por cento a distância: estudo de caso da Faculdade Sumaré-SP. 2005. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2017.

PEREIRA, Alice Theresinha Cybis; SCHMITT, Valdenise; DIAS, Maria Regina Álvares C. Ambientes Virtuais de Aprendizagem. In: PEREIRA, Alice T. Cybis (org.). Ambientes Virtuais de Aprendizagem: Em Diferentes Contextos. Rio de Janeiro: Editora Ciência Moderna, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.